A enclavar desde 2005

«São meus discípulos, se alguns tenho, os que estão contra mim, porque esses guardaram no fundo da alma a força que verdadeiramente me anima e que mais desejaria transmitir-lhes: a de se não conformarem.»
Professor Agostinho da Silva





19 outubro 2017

Quando o fundo ainda afunda...

Se querem ouvir-me a pedir desculpas, eu peço desculpas” (via Expresso), disse António Costa numa resposta, no meio de um debate, na Assembleia da República, sob aplausos dos seus (e, imagino, da extrema-esquerda).

Já nem me interessa explicar a esta gente que a gravidade do que ocorreu exigia um pedido de desculpas que não fosse algo referido, de passagem, no meio de uma discussão.

Mas não saber, como qualquer criança de 8 anos sabe (pois ouve-o de quaisquer pais minimamente sensatos), que dizer “se querem ouvir-me a pedir desculpas, eu peço desculpas” não é nenhum pedido de desculpas, isso é de uma ignorância indesculpável.

Aliás..., isto nem pode ser ignorância, é impossível: isto é um completo desprezo e total falta de sentimentos pelas pessoas que estão a sofrer. Atingiu o limite do inacreditável!

Depois de termos visto a agora ex-ministra dizer que o melhor para ela seria ir gozar as férias que não gozou (ao falar sobre mais de uma centena de crianças, mulheres, idosos... portugueses! mortos nos incêndios que ela não soube acautelar/coordenar/gerir)...

Depois de termos ouvido o Secretário de Estado dizer que as pessoas não podem ficar à espera que sejam os bombeiros a protegê-los do fogo (perante idosos que se arrastavam com meios baldes de água - a única com que os seus frágeis braços conseguiam, pais a protegerem os filhos, filhos a tentarem salvar os pais, as casas, os seus meios de sustento, as suas vidas)...

Depois de termos reparado na comunicação ao país (esta preparada e agendada, ou seja, sem sem apanhado de surpresa) do (ainda?) Primeiro Ministro onde o seu esgar de riso esteve presente e tranquilizou todos os portugueses com "isto ainda se irá repetir"...

Ainda tivemos que ouvir um pedido de desculpas daqueles que soam a ameaça???

E se fosses de férias, Costa? Não queres ir viver até "ao fim das tuas vidas" para Paris? Parece que há uns amigos por lá que emprestam mansões de luxo e nós é que escolhemos os acabamentos...

13 outubro 2017

Sócrates não merece cair sozinho

Eu não esqueço. Aqui estarei para lembrar que Sócrates não ascendeu sozinho, não governou sozinho e, acima de tudo, não merece cair sozinho.


Não se enganem: aquilo que ficámos a conhecer não foi a acusação de José Sócrates, mas a acusação de um regime inteiro. Um regime composto por um povo alheado e dependente, um poder corrupto, uma justiça amedrontada e um jornalismo manso. Sem esta triste conjugação de pobres qualidades, José Sócrates poderia sempre ter sido eleito em 2005, mas jamais seria reeleito em 2009. É evidente que existe gente indecorosa em qualquer parte do mundo, mas nos países bem frequentados as instituições não falecem todas ao mesmo tempo. Infelizmente, durante a era Sócrates, tudo faliu, até finalmente falir o país. Tirando duas ou três dúzias de teimosos que insistiram obsessivamente que o rei ia nu, demasiadas pessoas em lugares de responsabilidade ou não viram o que se estava a passar, por serem pouco espertas, ou não quiseram ver, por serem pouco honestas.

Neste momento marcante da História de Portugal, em que um ex-primeiro-ministro é acusado de 31 crimes de corrupção, fraude fiscal, branqueamento de capitais e falsificação de documento, convém recordar que José Sócrates não caiu da tripeça por causa dos portugueses, que finalmente perceberam quem ele era. Caiu por causa da crise internacional, da falência do país e da vinda da troika. Sócrates obteve 36,6% dos votos em 2009 (mais de dois milhões de pessoas), já depois da revelação da licenciatura fraudulenta e das manobras para impedir a publicação de notícias; já depois da exibição do DVD do caso Freeport onde Charles Smith declarava que ele era corrupto; já depois de correr com Manuela Moura Guedes do programa de informação mais visto da TVI por não apreciar o estilo e as reportagens. E mesmo após a crise internacional, a falência do país e a vinda da troika, José Sócrates ainda conseguiu obter 28,6% de votos para o PS – 1,57 milhões de portugueses. Em 2015, depois de quatro anos de brutal austeridade, António Costa obteve somente mais 180 mil votos do que José Sócrates em 2011.

Sócrates foi um extraordinário caso de popularidade, não só entre o povo, mas sobretudo entre as elites. E são estas elites que hoje em dia me preocupam, porque os ex-apoiantes de Sócrates continuam por aí como se nada fosse, nos blogues, nos jornais, nas empresas, no PS, no governo. Muitos dos que acham que os portugueses têm o dever moral de pedir desculpa por acontecimentos do século XVII, não vêem qualquer necessidade de pedir desculpa por acontecimentos de 2017. Não há qualquer acto de contrição por terem apoiado incansavelmente um homem que a cada três meses era suspeito de fraude, corrupção e atentado ao Estado de Direito, e que nunca, jamais, apresentou qualquer justificação decente para aquilo de que era acusado.

Dir-me-ão: Sócrates ainda não está condenado. Pois não. Mas reparem como o entusiasmo dos seus defensores esmoreceu desde a noite da detenção (21 de Novembro de 2014) até ao dia da acusação (11 de Outubro de 2017). A verdade é esta: as acusações são demasiado fortes e as explicações demasiado fracas. Daí Sócrates estar cada vez mais isolado. Contudo, o julgamento que se aproxima não pode esgotar-se nele. É sobre Sócrates, sobre Salgado, sobre Vara, sobre Bava, sobre Bataglia, e sobre um regime construído por inúmeros ex-socratistas, que agora saem de cena na esperança de que esqueçamos o papel que desempenharem ao longo dos anos. Eu não esqueço. Aqui estarei para lembrar que Sócrates não ascendeu sozinho, não governou sozinho e, acima de tudo, não merece cair sozinho.

(Texto de José Miguel Tavares, que subscrevo na íntegra)

A sério???

É preciso ter muita coragem e sentido do dever profissional para, em plena sede de campanha do PS/Sócrates, depois de uma derrota eleitoral para PPC nas legislativas de 2011, a jornalista fazer esta pergunta!

Mais houvesse...

A pergunta que incomodou Sócrates e "adivinhou" o que estava a chegar...

10 outubro 2017

Em época de vindimas, as coisas que se aprendem...


A Univ. de Coimbra participa na "Noite Europeia dos Investigadores" e este ano fiquei a saber umas coisas numa área que não dominava...

09 outubro 2017

Inveja da morte

Invejar a vida que outros têm (ou aparentam ter), parece banal, mas invejar a forma como partimos deste mundo, é quase surreal.

Quando a idade avança e o fim começa a ganhar contornos de inevitabilidade, vou ouvindo frases em momentos de falecimentos como: "ele é que teve sorte", "quem me dera (uma morte assim)", "foi sempre uma pessoa danada, mas teve uma morte tão boa", "que rica morte...".



03 outubro 2017

Dos resultados...

Mais do que dar os parabéns aos vencedores e saudar todos quantos participaram...

Malhar na merda das sondagens!!!

Não acredito que os erros tenham sido ingénuos! Pelo menos aquela em que o ISCA participou e o Diário asBeiras divulgou, não pode ser inocente.

Claro que ninguém se vai responsabilizar e nas próximas eleições serão de novo pagos para, de alguma forma, condicionar/manipular a opinião pública.


Antes de esmiuçar, recordo que o último vereador a ser eleito, neste caso a vereadora socialista Carina Gomes, apenas o foi por uma diferença de 48 votos. Ou seja, o Cidadãos por Coimbra só não elegeu qualquer vereador por 48 votos.

Estes foram os resultados finais:
PS – Manuel Machado: 35,46%% – 5 vereadores, 
PSD/CDS/PPM/MPT – Jaime Ramos: 26,56% – 3 vereadores, 
SC – José Manuel Silva: 16,o6% – 2  vereadores,  
PCP/PEV- Francisco Queirós: 8,30% – 1 vereador, 
CpC – Jorge Gouveia Monteiro:  7,02% –  0 vereadores

Esta sondagem falho redondamente, pois:
- Jaime Ramos teve quase o dobro da percentagem de votos
- Somos Coimbra teve mais do dobro da percentagem anunciada
- A CDU teve mais do triplo da percentagem de votos
- Os "Cidadãos por Coimbra" não elegeram qualquer vereador

Ou seja, curiosamente, só no PS a percentagem de votos esteve próxima (ainda assim, como já escrevi, bastavam menos 48 eleitores e os vereadores socialistas seriam apenas 4 - a sondagem indicava 5 ou 6, colocando em letras garrafais "MAIORIA ABSOLUTA", para que algum leitor mais distraído se entusiasmasse.

Quem coordenou esta sondagem devia vir a público retratar-se e o responsável pelo critério editorial do pasquim, podia tirar férias vitalícias do cargo que ocupa de forma (im)parcial.

Mais sobre as sondagens em Coimbra, AQUI!

30 setembro 2017

As diferenças...


Amanhã teremos 3 boletins de voto (2 para o município: Câmara e Assembleia Municipal e 1 para a Assembleia de Freguesia, de onde sairá o Executivo da Junta).

Como os candidatos têm atitudes diferentes (Freguesia e Concelho), não será de estranhar que os boletins de voto levem cruzes em locais diferentes.

Gosto pouco de "esmolas", ainda por cima, quando são "cobradas". Prefiro quem mostra humanismo e ajuda porque entende que é necessário dar condições a quem quer trabalhar (leia-se ajudar os outros).

O que queremos do e para o município???


29 setembro 2017

Do desaparecimento...

Costumamos ouvir que só morreremos quando a última pessoa que se lembrar de nós desaparecer. 


Mas tenho para mim que algumas pessoas conseguem transmitir vivências, exemplos e valores que se irão perpetuar.

AQUIAQUI, e AQUI falei sobre ele...

A partir de hoje, apenas saudade e imaginação...

O maior português vivo deixou-nos.

Fiquei mais pobre, muito mais pobre!!!



28 setembro 2017

É caso para dizer "grande Vara"??? :)

Enquanto o "Socas" tinha aulas ao domingo, o grande amigo fazia companhia à esposa do professor. 

Isto de trabalhar ao domingo não é fácil...

26 setembro 2017

Para que haja memória...

Tenho visto por aí muitas alusões à falta de memória, lembrando as medidas de austeridade (sem as quais Portugal não conseguiria sair da situação dramática em que se encontrava quando o governo Socialista chamou a Troika) que Passos Coelho implementou.

Nem todas foram equitativas, algumas seriam desnecessárias, rodeou-se de vigaristas, mostrou pouca capacidade negocial, é aldrabão... Dou isso de "barato".

Mas...

Foi responsável pela saída de Sócrates do poder!!!

Manuela Ferreira Leite quis mas não conseguiu, Manuel Alegre, António Costa, Soares, Ferro Rodrigues, Vieira da Silva e tantos socialistas ilustres nunca quiseram que o seu "menino de ouro" deixasse de ser Primeiro Ministro, fizeram mesmo o que estava ao seu alcance para que lá continuasse.

Só por ter tirado do poder um vigarista que trapaçou da licenciatura ao avião onde fumou, passando pelo Freeport, Vale do Lobo, Cova da Beira, às casas onde assinava projetos sem os fazer, ou seja, tudo por onde passou.

Rodeando-se de outros "sérios"... 

Segundo a acusação de que é alvo, foi construindo a sua riqueza pessoal (bem notória no estilo de vida "Armani", safáris em África, restaurantes de luxo, apartamentos de 1ª classe em Paris, viagens...) e a de quem lhe era próximo (família e amigos - Ricardo Salgado, Santos Silva, Granadeiro, Zeinal Bava...).

Deixa de legado o aeroporto de Beja onde foram prometidos 1000 empregos e lá trabalham 20 pessoas, naquela que é a garagem de aviões mais cara do mundo.

Tantos milhões...

Mais outros na auto-estrada que lá ligaria e que passada uma década, continua apenas com os pilares dos ex-futuros viadutos que nunca chegaram a ser.

Haja memória, sim!!! Mas que não seja seletiva!!!

Passos fez coisas erradas, mas foi o responsável por acabar com a impunidade e destruição aleatória que o demagogo-mor implementou durante 6 anos, sem que os seus camaradas de partido o travassem. Talvez lhes fosse conveniente...

Nostalgia...

22 setembro 2017

A registar!!!


Pelas redes sociais...


Vê-se um idoso desorientado, uma criança com ar de quem sofre, alguns "sem-abrigo"... no pasa nada!

Aparece um gato mais atrevido ou pedinchão... é o fim do mundo em cuecas :)

Como estamos em Coimbra, apetece mesmo dizer "são gatos senhor, são gatos!"

15 setembro 2017

Pelo facebook...


Criatividade do MM ultrapassada pelo photoshop.

14 setembro 2017

Sonhos de uma farsa

Aprecio originais, admiro arranjos, mas principalmente, gosto de sinceridade.

O artificial não tem uma voz excepcional, não é um instrumentista (apenas "arranha" na viola), não compõe...

Enfim, montou um espectáculo com luz, cor, músicos, coros e umas músicas que alguém fez, assumindo ele o estrelato.

A culpa não é dele, ontem mesmo vi uma desdentada na televisão a defender o seu "Adonis" como se de um irmão se tratasse.


Ver mais AQUI!

12 setembro 2017

05 setembro 2017

Nasceu faz hoje 71 anos...


O melhor!!!

Das autárquicas...

"Se os porcos pudessem votar, o homem que traz o balde da lavagem seria sempre eleito...não importa quantos porcos já tivesse abatido"

Orson Scott Card


Sobre o aeroporto internacional de Coimbra... Cá o esperamos!

25 agosto 2017

Do "azareiro"...

Ontem, realizou-se o sorteio para a Liga dos Campeões. Para algumas equipas foi realmente sorteio, mas para outras... foi claramente "azareiro".

Refiro-me, claro está, à Juventus e ao Barcelona, pois tiveram o azar de calhar no grupo do Sporting.

Ainda não pensei bem qual delas irá para a Liga Europa, mas logo se verá...

Mas como o assunto do momento são os livros para crianças, com diferenças consoante o género (meninos e meninas), segue uma imagem que traduz o grau de dificuldade, de acordo com as capacidades, certamente...

18 agosto 2017

Das férias...

Mais de 7.000 Kms, 11 países, tocar em objectos que foram manuseados por Saint Exupery, Freddie Mercury, Albert Einstein, Mozart, Goethe, Freud, La Palice, mas igualmente milhões de judeus em Auschwitz., já seria o suficiente para as catalogar de inesquecíveis.

Mas pernoitar nas montanhas do Tirol, conhecer várias capitais riquíssimas em história (gastronomia, cultura e a sua vida noturna), visitar o museu da Porche, rebolar na maior duna da Europa e estar com pessoas amigas (que nos receberam de forma inexcedível)... torna-as arrebatadoras.

Fica o trajeto da ida...
E do regresso...


Para mais tarde, algumas fotos...

12 agosto 2017

"Quem se mete com o PS, apanha!"


O partido da "transparência", continua a brilhar.

Só os "jornalistas bons" se safavam... Como a Fernanda Câncio (namorada do "quase engº").

Ainda não entendi como este vigarista corrupto não está preso, pois a condenação foi "prisão efetiva" e a confirmação da pena pelo tribunal da relação foi em Abril (4 meses e ainda ao Sol???) 

11 agosto 2017

Em época festiva...

Fica o convite para ver coisas lindas...

 De assistir a momentos raros...

Mas também de deixar registos para memória futura...



09 agosto 2017

Há um mês atrás...

 Foi dia de casório e o "Sr Neco" lá arranjou com quem brincar, até que eu chamei "rabo de chumbo" e o William parou de comer doces :) 


A festa foi linda, o espaço e todos os pormenores de um bom gosto notável.


A companhia na mesa também era simpática e entre "leões" estamos sempre bem dispostos :)

Os noivos sempre disponíveis e sorridentes.

A noiva, "feia" como é habitual :)

Mas a foto que mais me orgulhou foi aquela em que o Eder pediu para juntar a "família de coração", como lhe chamou (as pessoas - 4 colegas que com ele privaram no Lar onde cresceu... e eu).

É realmente uma responsabilidade, mas igualmente uma confiança mútua e amizade sólida pois no espaço e momento onde decorreu a cerimónia, apenas os "familiares de sangue" dos noivos (e em grupo) tiraram a habitual foto.

O "menino" não esquece os amigos e foi um momento em que fomos do riso (ao recordarmos alguns episódios), às lágrimas só porque nos abraçámos cada vez mais forte, sem dizer nada.


04 agosto 2017

Dois exemplos que admiro muito!!!


Sou um felizardo!!!

Com direito a acompanhamento musical e tudo... AQUI!

03 agosto 2017

O espaço tem boas condições


Este ano o Rui "Nabigo" vai dar uma voltinha connosco no dia de anos dele :)

02 agosto 2017

Ser convidado enquanto especialista, é uma responsabilidade...

Embora a milhares de Kms de Portugal e prestes a entrar num local emotivo para a humanidade, senti-me honrado pelo convite e acedi a participar em directo no "Antena Aberta" da rádio Pública.

Fica o link... (a partir dos 13 minutos...)

https://www.rtp.pt/play/p469/e300431/antena-aberta

17 julho 2017

Para ler nas férias :)

Finalmente ficou disponível o site onde podem ser feitas as encomendas a nível nacional.

A nível local, quem quiser poupar nos portes, pode enviar um comentário e agendando uma hora/local em Coimbra, será entregue em mão e com direito a autógrafo :)

Cá fica o link...


Recordo que TODOS os proveitos com a venda deste livro revertem a favor da Plataforma PAJE.

Fica um agradecimento aos autores (de várias partes do país e do mundo)!!!

Custo do livro: 10€


Para quem gosta de Coimbra

A não perder, mesmo!!!

Ver AQUI!!!

15 julho 2017

Para memória futura...

Esta semana ficámos a saber que a justiça desportiva e civil em Portugal:

- Ilibaram completamente Pinto da Costa (parte a reter pelos portistas)

- Fizeram-no porque as escutas foram usadas ilegitimamente (parte a reter pelos benfiquistas)


Pessoalmente, quando passados 10 anos a conclusão é esta, só me resta deixar de ligar aos resultados desportivos.

Vou continuar a gostar de futebol, a apreciar quem joga bem e a querer que as minhas equipas favoritas ganhem os jogos.

Já quanto aos títulos... remeto para este título de hoje que resume bem o estado do nosso futebol (e do nosso país)!!!

14 julho 2017

Ando a perder muito...

... e não gosto nada de perder, mesmo nada!!!

Ambos com 49 anos, uma semana de intervalo.

Dois amigos com quem partilhei noitadas e brincadeiras.

Cedo demais...

Já sinto a falta, mas sei que vou sentir ainda mais.

Foi bom... isso basta-me!!!

Mas para quem se sente melhor com essa esperança... até um dia!

 




13 julho 2017

Pela capital, num evento grandioso


O V Seminário Internacional contou com uma plateia enorme, com ilustres na 1ª fila (Presidente da República, Ministros, Ex-ministros, Secretários de Estado, Juízes Conselheiros entre outras personalidades).

Representando a Plataforma PAJE, tive oportunidade de comparar as crianças do nosso país, que são "refugiadas" em Casas de Acolhimento, para fugirem às "guerras" e sofrimento que acontecem nos seus lares. 

Afinal...

O "roubo" de material de guerra em Tancos foi um favor, pois além do material ser baratinho, ainda estava para "abate", ou seja, pouparam trabalho aos militares.

Este Primeiro Ministro ( e a esquerdalha que o apoia) são os maiores!!!

Sempre a pensarem no povo!!!

Alguém entra num quartel, dirige-se ao paiol como se fosse roubar um galinheiro e ninguém vê nada, ninguém aponta uma pista, não há video-vigilância, vizinhos (ainda que nas imediações não haja casas, certamente não terão ido de helicóptero e terão passado em estradas, provavelmente à porta de armas até...

Mas, que se dá ao trabalho/risco de andar dezenas de metros com centenas de quilos às costas, arriscar um assalto às Forças Armadas - aparentemente tudo bem planeado, de forma a que ninguém veja ou tenha qualquer pista - para roubar uns míseros 30 mil €, ainda por cima, em material obsoleto, que seria para abate???

O episódio cada vez está mais engraçado, pois fazem o povo de burro e os deputados que sustentam o governo assobiam agora o que em tempos seria matéria para demissões, manifestações, esganiçamentos, evocação do 25 de Abril, etc, etc, etc.

Hipócritas de merda!!!




05 julho 2017

Ops!!!


Queria apanhar as 6 "cadeiras", mas já passaram...

03 julho 2017

Bem pensado!!!

Este Costa é o máximo!!!

Em vez de nos preocuparmos com um eventual ataque terrorista no nosso país, preferimos ser fornecedores de armas (ainda por cima sem cobrarmos dinheiro)...

Em Seia, vivi um ano junto a um acampamento cigano e aprendi que estava protegidíssimo, pois não só os nómadas não "atacam" perto de "casa", como ninguém se atreveria a assaltar ou fazer mal a alguém, junto a um acampamento com largas dezenas de ciganos nas imediações.

Também nesta questão do material roubado ao exército, me parece estarmos numa situação semelhante.

Objetivamente, trata-se "apenas" da maior falha de segurança da Europa!!!

Cada atentado que ocorreu nos últimos tempos, apesar de provocarem vítimas, não foram propriamente falhas de segurança, pois 3 "doidos" entrarem num jornal e porem-se a matar pessoas, irem de carro e avançarem sobre os transeuntes, ou mesmo um camião contra uma multidão, são inusitados. Já armazenar material de guerra e não o vigiar convenientemente (sistema de vídeo-vigilância sem funcionar, vedação estragada e mais de 20 horas sem sentinelas, não é pôr-se a jeito, é escancarar as portas).

Para termos uma noção da gravidade da situação, a embaixada dos Estados Unidos já mandou reforçar a segurança...

A União Europeia está preocupadíssima, os serviços anti-terrorismo também, mas... António "Chamuças" Costa foi de férias para o estrangeiro (ao que tudo indica) e nem estará presente na reunião de hoje do Conselho Superior de Defesa (já que o Presidente da República exige que tudo seja apurado).

Quem também não estará preocupada é a "esquerdalha", pois "Bloco- caviar", "Verdes" e "Comunas" devem estar a banhos, pois não exigem a demissão do ministro da defesa (que veio assumir as responsabilidades pelo sucedido, mas não se demite).

É gritante a falta de coerência desta gente!!! 

Incêndios que matam dezenas e a cada dia se sabe de mais falhas, incongruências entre Judiciária, SIRESP, GNR, Instituto do Ar e da Atmosfera, autarcas locais, população, bombeiros...

Roubam uma montanha de material de guerra de dentro das instalações das Forças Armadas, capaz de matar centenas em vários cenários...

Ninguém é responsável, ninguém se demite, ninguém é demitido!!!

Mas a isto chama-se ser-se bom governante, chama-se diplomacia, ser-se negociante, conseguir gerir opiniões e interesses divergentes...

Costa "Chamuças", és o maior!!!

30 junho 2017

Viva quem (canta) peida ou Amar (peidar) pelos dois???

Quando frequentei o ensino preparatório, havia um colega a quem chamavam “peidoso”. Não era da minha turma e a convivência resumia-se a um ou outro jogo de futebol, no campo ao ar livre e com o ruído comum em escolas repletas - como acontecia na época -, daí não ter como comprovar o sentido de oportunidade de quem o alcunhou. O certo é que a alcunha pegou e a pré-adolescência pode ser cruel ao ponto de ter ficado conhecido durante uns anos por tal expressão.

Já o nosso Salvador Ventosidades, não se limitou a fazer como o cavalo no 4 de Julho, que vai “cagando e andando, e ainda lhe batem palmas”. Flatulência Sobral resolveu ir mais longe e, qual Bocage “o pum que aquela senhora deu, não foi ela, mas fui eu!”, anunciou ainda mais algo comum aos mamíferos em geral, mas que por decoro cultural e evolução civilizacional, não se faz publicamente.

Já não é propriamente um miúdo, está longe de ser um humorista e dificilmente terá comparação com grandes nomes da música portuguesa, mas a sua noção de “acima dos demais”, permite-lhe estar-se a “marimbar” (poderia ter utilizado aqui outra palavra, mais próxima do nosso festivaleiro bufas) para o público que o aplaude. 

Afinal ele é superior, a mãe é “Posser Villar” e o pai “Braamcamp Sobral”, estudou nos Estados Unidos, fala inglês fluentemente, aprecia e canta Jazz… não suporta mesmo é o povão, as massas. De resto, nunca percebi bem porque haveria ele de concorrer a tantos concursos desde tenra idade, ou mesmo a um festival da canção, perante tal superioridade musical. 

Ter-se-á esquecido que o concerto era de beneficiência para uma causa em que morreram de forma trágica dezenas de pessoas? Não lhe ocorreu que estava na presença das mais altas figuras da nação? Ter-lhe-á escapado que além dos milhares presentes, vários milhões em casa, além de contribuírem, não teriam como mudar de canal, pois passava nos 3 generalistas e nem todos têm acesso a TV paga?

Não pode valer tudo a esta “elite” mediática!!! Afinal quem idolatra tal personagem, tem outros valores, certamente.

Mas para não correr o risco de ser retrógrada e conservador, pois daí a ser apelidado de fascista - por alguma esquerdalha, entenda-se - vai menos de um fósforo, termino utilizando terminologia mais próxima do verdadeiro “peidoso” (pois a 1ª entrada do Google com a palavra “peido”, remete imediatamente para o S.S.), reitero que para mim, é indiferente, que ele se peide para dentro, já os seus tiques sempre que lhe dão tempo de antena, não valem um peido!!! 

P.S. - para o dia 6 de Julho, no convento de S. Francisco, em Coimbra, penso preparar uma tarja com o slogan “Salvador, dá o peido-mestre!

28 junho 2017

Pois...

«Mesmo que os seus passos pareçam inúteis, vá abrindo caminhos. Outros te seguirão...»

Antoine de Saint-Exupéry

22 junho 2017

Não será demais???

A arte de bem saber "dividir para reinar" ou atirar fumo para os olhos dos outros não tem limites??? (isto não é governar, pois governar é gerir  prioridades e aumentar o bem estar das populações)

Pelos sindicatos...
(Simulação) de greve greve dos professores, pois os sindicatos (ao serviço do governo e não dos associados), teve uma péssima gestão das datas.

Pela opinião pública...
Ninguém pede contas aos altos dirigentes sobre os acontecimentos que ceifaram 64 vidas (parece que é o destino dos portugueses e foi apenas "azar"). 

Pela União Europeia...
Já ninguém pode falar mais de Mexias, de valores exorbitantes de rendas de energia, etc.


Pela comunicação social...
Mas vejam como a comunicação social pode ser ainda mais "fofinha"...
Noutros tempos, o título seria:

"Exportações à custa de salários miseráveis"


A "esquerdalha PCP" gritaria:

"O grande capital explora a classe operária"


A "esquerdalha BE" grasnaria:

"Patrões enriquecem à custa dos trabalhadores"


A verdade é que quase 2 anos depois de ter perdido as eleições, o PS ainda não descongelou as carreiras (pessoalmente ainda recebo menos que em 2015), não alterou os escalões do IRS (aposentados com reformas baixas receberam pela 1ª vez cartas para pagar) e ninguém diz nada, porque agora "isto está tudo muito melhor".